O Ateu e a Bíblia


Quero deixar aqui uma dica de blog muito interessante. Acabei de descobrir o "Discursos de Cadeira" e já deu pra perceber que vale a pena ser lido. 

Gostei muito da postagem "O Ateu e a Bíblia", que começa assim: 

"Posso compreender perfeitamente, e até mesmo respeitar, tua crença de que a Bíblia não é uma revelação divina. Afinal, isso depende de alguma fé, e esta pressupõe alguma experiência e comunhão com Deus. No entanto, negar que sobre suas letras a civilização na qual vives e da qual usufruis fora construída chega às raias da ignorância."

Outro trecho magnífico:


"Atenta que quase todos os grandes pensadores da história, mesmo os não cristãos, tiveram para com essse Livro um respeito tal que apenas demonstra que tua atitude para com a Bíblia é algo dissonante. É que eles, intelectuais que eram, reconheciam nela uma profundidade existencial inigualável. Também percebiam que de suas letras jorrava um fundamento seguro para a moral e para as relações humanas."

Bravo!
.

13 comentários:

Le Gall : Décrypter Le Système Pyramidall disse...

La Bible ! Une invention Juive et perverse !


http://laveritablenaturedujudaisme.blogspot.fr/2012/06/marion-sigaut-les-lumieres-un.html

Juliana Ju disse...

Ótima leitura. O blog é realmente bom.

Anônimo disse...

Eba!

Anônimo disse...

#muitobomestetexto

juca@juca

Anônimo disse...

Você tem razão, Ale, o blog é bom. Ele escreve bem e tem muita consciência.
Peri/BA

heyholetsgo disse...

incomum, mas gosto.

Anônimo disse...

SEMPRE ENCONTRO BOAS DICAS AQUI. MAIS UMA
FIQUE COM DEUS

ASS:
GILBERTO REZENDE DO RIO DE JANEIRO

Ale Costa disse...

Dizer que meu francês é péssimo seria mentir. Ele não existe, por isso não tenho como refutar ou analisar mais profundamente o link que a sempre bem-vinda Le Gail indicou, mas a meu ver ele se equivoca ao misturar judaísmo com sionismo. E como o texto que eu indiquei tem um viés Cristão, acho que os assuntos estão um pouco distantes. De qualquer forma, deixei em favoritos e vou ler com calma, na velocidade que minha ignorância francesa permitir.
Obrigado por todos os comentários. Fico muito contente com eles, mesmo quando discordo.
Abraços.
Ale.

Anônimo disse...

Valeu pelo link!

Patrícia So disse...

Este blog está cada vez melhor!
Patrícia So

Fada do bosque disse...

Olá Ale, Bom dia.

Eu também pensava da mesma forma... que teríamos de fazer a distinção entre sionistas e judeus... mas depois de ter começado a seguir o blog do prof. Alfredo Braga mudei de ideias. De qualquer forma, deixo aqui um excerto do artigo "O Paradoxo Judeu":

«Freqüentemente ouvimos, ou lemos, frases de judeus famosos aludindo a “três religiões monoteístas“, como se a deles fosse perfeitamente comparável ao catolicismo e ao islamismo e os seus bilhões de seguidores, tanto no Oriente quanto no Ocidente. Pretender equivalências entre o judaísmo e as demais religiões é, evidentemente, um grande engodo, ou ladina falácia, tanto em relação ao número de devotos, quanto ao próprio ethos de suas doutrinas e fundamentos morais, como o historiador Mark Weber expôs tão claramente em seu ensaio, O peso da tradição.Já não é novidade o subterfúgio de separar a noção de "judaísmo", como religião, de "judeu", como indivíduo descendente de família judia, ou do "povo judeu"; como também não é de hoje que nos deparamos com as mais variadas confusões quando o assunto se refere a esse grupo de pessoas, religiosos, ou ateus, que se declaram como judeus, hebreus, israelitas, israelenses, e até como semitas. Não somos nós, todos os não-judeus, que alimentamos essa confusão, a qual somente interessa a quem intenta se guarnecer de uma certa cortina de fumaça e manhosa diluição das suas responsabilidades. Se o “povo escolhido“, os judeus, ou hebreus, ou israelitas, ou como queiram se chamar, são outra “invenção sionista”, e se o sionismo, evidentemente, não passa de uma invenção do judaísmo, o que os faz permanecer judeus, ou insistir em pertencerem a essa “invenção”, como o próprio judeu Shlomo Sand e tantos outros acadêmicos, e outros tantos esclarecidos ateus?(...)

http://alfredobragasobcensura.wordpress.com/2012/05/09/o-paradoxo-judeu/

Ale, é um blogue com muito interesse e onde se aprende muito.

Um abraço

Anônimo disse...

Boa! Gostei muito.

Ah, e excelente blogue. Obrigado

EJSantos

Fada do bosque disse...

...E não deixe passar em branco Este link do "Paradoxo Judeu"!

Parabéns pelo seu blogue!
Abraços!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...